0 Compartilhamentos 202 Views

8 comandos Linux que você também deve adicionar aos seus favoritos

23 de março de 2015

Preparamos mais uma lista com alguns comandos Linux essenciais. Comandos que podem ser de grande valia no seu dia a dia. Comandos que você pode adicionar à sua lista de favoritos, afinal, existe uma grande quantidade deles no sistema operacional do pinguim, com variações e parâmetros extras a perder de vista.

Não deixe também de conferir outras listagens e dicas de comandos que já publicamos aqui no Código Fonte:

Comandos Linux

Vamos lá:

1) md5sum

O comando md5sum permite que você verifique a integridade de arquivos. Você precisa conferir o valor do md5sum atual com algum obtido anteriormente e/ou com o “oficial”, fornecido, por exemplo, pelo website de onde baixou determinado arquivo.

Acesse o diretório onde o arquivo está localizado e digite:

Por exemplo:

Observe que no exemplo acima foi exibido o md5sum do arquivo “php.ini.new”.

2) uname

O comando uname (Unix Name) exibe de maneira rápida e prática informações a respeito do Kernel, do sistema operacional, da arquitetura do processador e da máquina em questão.

Para um resultado mais completo, digite o seguinte na linha de comando, seguido de um <ENTER>:

Resultado:

3) mkdir

Este seria um equivalente, digamos, ao comando md (Make Directory) que também pode ser utilizado no DOS (embora o mkdir também funcione no Windows).

Basicamente, trata-se de um comando para a criação de diretórios. Sua utilização é bastante simples. Basta acessar o caminho onde a nova pasta deve ser criada e digitar o seguinte:

Por exemplo:

E assim por diante.

4) chown

O comando chown (Change Owner) possibilita a alteração do “proprietário” e do “grupo” ao qual arquivos e pastas pertencem.

Através do comando ls -l podemos conferir estas informações. Por exemplo:

Acima, temos uma pequena lista de arquivos e pastas que pertencem ao grupo “root” e também ao usuário “root”.

Uma maneira de utilizar o comando chown é a seguinte:

Ou seja, definimos primeiro o novo usuário, o usuário que será o novo proprietário do arquivo ou pasta, e em seguida o grupo, finalizando com o nome do arquivo ou da pasta.

Por exemplo, vamos alterar as permissões da pasta codigofonte_teste (ver acima). Vamos definir um novo proprietário para ela, o usuário “nobody”, mantendo-a no grupo “root”:

Uma nova execução do ls-l nos mostra a alteração:

5) pwd

Pode não parecer, mas o comando pwd (Print Working Directory) é bastante útil. Ocasionalmente, você pode “se perder” no shell, se esquecendo, por exemplo, de qual é o atual diretório, no qual você está trabalhando.

Com este comando você recebe esta informação na hora. Por exemplo:

6) man

Para obter o “manual” dos comandos. Por exemplo:

O comando acima exibe o “manual” do comando wget. Parâmetros adicionais, caso existam, além da descrição do comando, são exibidos.

Para obter um manual do comando cd, basta digitar, portanto:

E assim por diante.

Para fechar os “manuais”, simplesmente tecle “Q”.

7) mv

MV, ou “move“, move um arquivo ou pasta:

mv [origem] [destino]

Por exemplo:

No exemplo acima, movemos completamente o diretório “novo_diretorio”, que estava em “/home/testes/codigofonte”, para “/home/testes”.

8) rmdir

Outro comando que deve ser utilizado com bastante cautela. Com o rmdir você pode apagar diretórios.

Por exemplo:

O comando acima eliminará o diretório “codigofonte”. Caso o diretório não esteja vazio, um erro será exibido, reportando a falha.

Neste caso, utilize o seguinte, por exemplo:

Lembre-se: tenha cuidado ao usar tanto o rmdir quanto o “rm -rf”.

Você pode se interessar

Promoções de Jogos do Final de Semana (06/12)
Notícias
13 visualizações
Notícias
13 visualizações

Promoções de Jogos do Final de Semana (06/12)

Carlos L. A. da Silva - 6 de dezembro de 2019

Confira as melhores ofertas de jogos de PC para o final de semana.

Como bloquear trolls no Twitter em larga escala
Dicas
14 visualizações
Dicas
14 visualizações

Como bloquear trolls no Twitter em larga escala

Carlos L. A. da Silva - 4 de dezembro de 2019

Ninguém está livre de cair na mira de uma horda virtual e saber se defender é fundamental.

Conheça a diferença entre Inteligência Artificial, Aprendizado de Máquina e Aprendizado Profundo
Artigos
20 visualizações
Artigos
20 visualizações

Conheça a diferença entre Inteligência Artificial, Aprendizado de Máquina e Aprendizado Profundo

Carlos L. A. da Silva - 30 de novembro de 2019

Na linguagem coloquial, esses termos até se confundem mas, tecnicamente, não são a mesma coisa.

Mais publicações

Como aproveitar ao máximo a Área de Transferência do Windows 10
Dicas
19 visualizações
19 visualizações

Como aproveitar ao máximo a Área de Transferência do Windows 10

Carlos L. A. da Silva - 28 de novembro de 2019
Tudo que você precisa saber sobre o USB4
Artigos
45 visualizações
45 visualizações

Tudo que você precisa saber sobre o USB4

Carlos L. A. da Silva - 25 de novembro de 2019
Promoções de Jogos do Final de Semana (22/11)
Notícias
21 visualizações
21 visualizações

Promoções de Jogos do Final de Semana (22/11)

Carlos L. A. da Silva - 22 de novembro de 2019