0 Compartilhamentos 377 Views

Como fazer uma limpeza nas permissões de acesso de sites à sua conta no Google

17 de março de 2014

Ninguém pode dizer com certeza quanta informação o Google possui sobre uma determinada pessoa. E, do ponto de vista de privacidade, isso é preocupante. Entretanto, você pode saber agora mesmo o quanto outros sites sabem sobre você porque você deixou o Google contar para eles.

“Mas, como assim?”, você pode estar se perguntando. Porque muitos sites pedem que você se autentique com as credenciais de sua conta Google e você, por pura preguiça de fazer outro cadastro aleatório por aí, autoriza esse compartilhamento. “Ah, que susto, você está falando de autenticação, pensei que estava falando de dados pessoais”. Pois é, mas eu estou. A maioria dos sites que você autoriza a utilizar suas credenciais também recebe do Google diversos dados pessoais, como seu endereço de e-mail, seus contatos, seus arquivos armazenados no Google Drive, suas fotos no Picasa e por aí vai.

Esse tipo de compartilhamento não é algo que o Google esconda de você e você sempre é informado sobre exatamente o quê será passado para frente para um site terceirizado. Mas, novamente, na pressa, você pode não pensar muito no assunto ou sequer ler o que está escrito nas letras nem tão miúdas.

Para ver o tamanho do compartilhamento, entre em qualquer serviço do Google onde você esteja logado (serve YouTube, Gmail, Blogger e até mesmo a página de busca). Lá no canto superior direito tem seu nome de usuário e uma seta para baixo. Clique na seta e depois no link Account. Você será encaminhado para seu perfil no sistema. Lá, clique no link superior Security. Nessa nova tela, escolha a opção Account permissions para uma lista completa de todos os sites e dispositivos com quem o Google anda trocando dados porque você permitiu.

account-permissions

Obviamente, há sites que você deseja que continuem compartilhando informação. Mas também existem aqueles que devem estar sabendo mais do que deveriam ou dos quais você nem guarda a mais remota lembrança. Clicando em cada um daqueles que aparecem listados, você verá do lado quais são exatamente os dados que estão sendo revelados, a data da autorização e um útil botão chamado Revoke Access. Use esse botão para interromper o acesso aos dados privados.

Enquanto o Google não providencia uma opção que liste também tudo o que ele sabe sobre nós, já é um alívio fazer uma limpeza nas permissões de acesso dos outros sites.

Carregando...

Você pode se interessar

Como cortar texto sem usar uma linha de script
Dicas
7 visualizações
Dicas
7 visualizações

Como cortar texto sem usar uma linha de script

Carlos L. A. da Silva - 11 de janeiro de 2021

Conheça o poder da propriedade text-overflow no CSS e nunca mais edite strings no braço.

Como começar a programar
Artigos
14 visualizações
Artigos
14 visualizações

Como começar a programar

Carlos L. A. da Silva - 7 de janeiro de 2021

Então, você quer entrar nessa vida? A decisão é sua, mas nós podemos te ajudar com os primeiros passos.

Como cancelar qualquer conta online para sempre
Dicas
17 visualizações
Dicas
17 visualizações

Como cancelar qualquer conta online para sempre

Carlos L. A. da Silva - 30 de dezembro de 2020

Que tal fazer uma limpeza nas suas contas inativas ou finalmente largar aquela rede social que só dá desgosto?

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações

Retrospectiva (positiva) de 2020
Artigos
20 visualizações
20 visualizações

Retrospectiva (positiva) de 2020

Carlos L. A. da Silva - 29 de dezembro de 2020
O que seria internet quântica?
Artigos
20 visualizações
20 visualizações

O que seria internet quântica?

Carlos L. A. da Silva - 23 de dezembro de 2020
Como fazer uma árvore de Natal… com CSS!
Dicas
27 visualizações
27 visualizações

Como fazer uma árvore de Natal… com CSS!

Carlos L. A. da Silva - 21 de dezembro de 2020
Promoções de Jogos do Final de Semana (18/12) – Edição Natalina
Notícias
32 visualizações
32 visualizações

Promoções de Jogos do Final de Semana (18/12) – Edição Natalina

Carlos L. A. da Silva - 18 de dezembro de 2020