0 Compartilhamentos 427 Views 1 Comments

Departamento de Justiça dos EUA revela provas contra Kim Dotcom e Megaupload

23 de dezembro de 2013

O Departamento de Justiça dos EUA revelou um resumo das provas que recolheu contra Kim Dotcom, seu serviço Megaupload e outros supostos conspiradores. O documento de 191 páginas expõe detalhes sobre como o Megaupload e seus sites associados, funcionários e operações funcionavam e, de acordo com o Departamento, cometiam extorsão, violação de direitos autorais e lavagem de dinheiro.

A investigação afirmou que o Megaupload fez mais de US$ 150 milhões em receitas de membros Premium ao longo dos anos, além de mais de US$ 25 milhões em receitas de publicidade. Essas receitas são citadas no documento como um resultado direto da promoção do Megaupload de materiais protegidos por direitos autorais.

Advogado de Dotcom afirmou que as provas não têm mérito

Advogado de Dotcom afirmou que as provas não têm mérito

Uma das revelações mais interessantes do documento são detalhes sobre os arquivos armazenados pelo Megaupload e seus usuários. De acordo com o Departamento de Justiça, quando o site foi fechado em 19 de Janeiro de 2012, havia cerca de 14,9 milhões de vídeos no Megavideo.com e 12,8% deles tinham recebido pelo menos um pedido de copyright para ser tirado do ar.

Outra peça importante de evidência vem do trabalho “secreto” feito por um agente do FBI para baixar, visualizar e monitorar como os sites do Mega funcionavam. Seu trabalho envolveu downloads de seriados como Modern Family e filmes como os da saga Crepúsculo. Ele também enviou arquivos para que o titular de direitos autorais fizesse pedidos de retirada do conteúdo, mas nada era feito pelo Megaupload.

O advogado de Kim Dotcom e do Megaupload afirmou o documento é “191 páginas de acusações criminais sem mérito”, acrescentando que “todas essas coisas são de natureza civil e não pode ser considerado criminoso nos Estados Unidos”. Kim Dotcom e outros réus estão atualmente na Nova Zelândia, lutando contra a extradição para os EUA. A audiência do caso foi adiada para 7 de julho de 2014.

Carregando...

Você pode se interessar

15 ferramentas de desenvolvimento para melhorar sua produtividade em 2021 sem gastar nada
Artigos
55 visualizações
Artigos
55 visualizações

15 ferramentas de desenvolvimento para melhorar sua produtividade em 2021 sem gastar nada

Carlos L. A. da Silva - 2 de abril de 2021

O cenário de desenvolvimento está em constante mudança e muitas vezes uma ferramenta nova pode agilizar muito seu trabalho.

A tecnologia por trás do deep fake de Deep Nostalgia
Artigos
63 visualizações
Artigos
63 visualizações

A tecnologia por trás do deep fake de Deep Nostalgia

Carlos L. A. da Silva - 22 de março de 2021

Serviço do My Heritage permite "animar" fotos do passado, trazendo vida para seus antepassados. Como isso é possível?

Como se tornar um Engenheiro DevOps em 2021
Artigos
62 visualizações
Artigos
62 visualizações

Como se tornar um Engenheiro DevOps em 2021

Carlos L. A. da Silva - 1 de março de 2021

A consultora de DevOps e evangelista Nana Janashia apresenta um passo a passo de tudo que você precisa saber para dominar o DevOps em 2021.

One Response

Deixe um Comentário

Your email address will not be published.

Mais publicações

Seus dados vazaram. E agora?
Artigos
54 visualizações
54 visualizações

Seus dados vazaram. E agora?

Carlos L. A. da Silva - 19 de fevereiro de 2021
Entendendo o elemento time em HTML 5
Artigos
68 visualizações
68 visualizações

Entendendo o elemento time em HTML 5

Carlos L. A. da Silva - 5 de fevereiro de 2021
Como cortar texto sem usar uma linha de script
Dicas
68 visualizações
68 visualizações

Como cortar texto sem usar uma linha de script

Carlos L. A. da Silva - 11 de janeiro de 2021